fbpx

12 piores erros do SMS Marketing (e como não os cometer)

12 piores erros do SMS Marketing (e como não os cometer)
8 minutos para ler

Resumo:

  • Enviar spam, não respeitar horários comerciais e não se identificar são alguns dos principais erros do SMS Marketing. Se você deseja melhorar suas campanhas ou instaurar uma estratégia obtendo os melhores resultados desde o início, confira o conteúdo na íntegra para conhecer os 12 piores erros que listamos e as recomendações para não cometê-los.

Enviar SMS é uma das formas mais rápidas e práticas de fazer marketing, sem contar o seu ótimo custo-benefício. Grandes empresas já utilizam a estratégia para se relacionar com seus clientes e conseguem excelentes resultados.

Se você já apostou na estratégia de SMS Marketing e não está obtendo os resultados esperados, provavelmente está cometendo um dos erros que listamos neste artigo.

Quando você não tem uma estratégia e planejamento definidos, corre o risco de causar danos que vão afastar o seu público. Portanto, cometer erros nesse tipo de estratégia é prejudicial não apenas por perder potenciais clientes, mas também oportunidades, tempo e dinheiro!

Agora, se você ainda está pensando em investir nessa estratégia, essa é a sua chance de começar bem! Conhecer os principais erros te dá segurança para criar uma campanha bem-sucedida.

Para evitar transtornos, listamos os 12 piores erros do SMS Marketing para você NÃO repetir na sua estratégia: 

1. Enviar spam

Ninguém gosta de receber um monte de mensagens de uma empresa sem ter solicitado. Isso é válido para qualquer canal de comunicação, seja no e-mail, WhatsApp, telefone ou SMS.

Por esse motivo, uma das principais boas práticas dos torpedos é ter a permissão do cliente para enviar as mensagens, ou seja, que ele faça o que chamamos de opt-in. Dessa forma, você garante o envio de mensagens relevantes para as pessoas certas, evitando que ocorram bloqueios.

Mas cuidado: mesmo que a pessoa tenha feito opt-in, é preciso maneirar na quantidade de SMS enviados e sempre checar se o cliente deseja continuar recebendo suas mensagens. Afinal, você não quer que eles cancelem a inscrição por estarem incomodados com spam, certo?

2. Não respeitar horário comercial

Parece óbvio, mas não é! Como o SMS é automatizado, muitas empresas acreditam que é aceitável enviar mensagens fora do horário comercial. Na verdade, essa prática é bastante inconveniente e pode ser entendida inclusive como invasão de privacidade.

Apenas em casos muito extremos, quando a campanha tem um objetivo específico e um planejamento adequado para isso, é aceitável entrar em contato fora do horário estipulado. Porém, não permita que isso vire um costume!

Afinal, o mesmo se tornaria um inconveniente para a sua empresa caso a situação fosse inversa e o cliente estivesse solicitando contato fora do horário de trabalho.

3. Enviar mensagens em excesso

Hoje em dia, a maioria das pessoas possui uma rotina agitada e, por isso, é complicado checar as mensagens que chegam no celular o tempo inteiro. Nesse mesmo sentido, é muito desagradável estar esperando um recado importante e o aparelho ficar apitando com SMS comerciais.

Portanto, cuidado com o excesso de mensagens! Enviar notificações insistentes é uma prática que não é bem vista pelos clientes. O ideal é organizar um cronograma para o envio dos SMS e explorar a qualidade da mensagem, não a quantidade.

4. Não se identificar

Os SMS chegam para o usuário por meio de um shortcode, ou seja, um número de cinco dígitos que não contém o nome da empresa ou da pessoa que está enviando a mensagem. 

Por isso, ao enviar um torpedo, identifique-se em alguma parte do conteúdo para contextualizar o leitor. Quando você esquece de fazer isso, a pessoa recebe a mensagem e não tem ideia de quem enviou. Isso é extremamente prejudicial para a sua empresa.

Uma opção muito utilizada pelas marcas é se identificar no início da mensagem, seguido por dois pontos, como no exemplo abaixo: 

“Sebrae: Parabens pela abertura da sua empresa, o Sebrae preparou uma oficina online gratuita para voce. Acesse bit.ly/abc”

5. Deixar de segmentar os clientes

Um dos erros do SMS Marketing mais comuns e prejudiciais é não personalizar o conteúdo de acordo com o interesse dos clientes. Sem esse tipo de segmentação, você com certeza vai enviar mensagens nada relevantes para algumas pessoas, o que gera uma experiência ruim para esses clientes.

Portanto, tenha sempre listas de segmentação por critérios que façam sentido para o seu negócio, como sexo, idade, interesses, etc. Crie conteúdos relacionados a essas segmentações. Com o SMS, é fácil de adaptar sua oferta para atingir diversos públicos, então aproveite a possibilidade!

6. Enviar mensagens confusas

São apenas 160 caracteres para transmitir uma informação. Portanto, a mensagem precisa ser curta e objetiva para que a pessoa compreenda a intenção do SMS. 

Em alguns casos, é necessário utilizar abreviações de algumas palavras para a mensagem caber nos caracteres disponíveis. Essa prática é aceitável, desde que as abreviações sejam as mais comuns no dia a dia, como “vc”, “p/”, “c/”, “tbm”. Tome cuidado para não abreviar demais, porque isso pode atrapalhar a compreensão do recado.

Por isso, vale a pena revisar o conteúdo com bastante atenção antes de realmente enviar a mensagem, pois ela não pode ser deletada ou editada depois que foi enviada. 

Para evitar confundir os seus clientes, use uma linguagem simples e sem jargões. Mas atenção, dependendo do nicho, a informalidade pode parecer não profissional e comprometer a credibilidade da sua empresa. O recomendado é manter sempre o bom senso.

7. Não otimizar o site para celular

Grande parte dos SMS convidam o cliente a realizar uma ação, que é muitas vezes clicar em um link para acessar o site da empresa ou uma página da internet. 

Nesses casos, para obter melhores resultados, é importante que o cliente tenha uma excelente experiência digital. Por isso, o site ou página enviado por SMS deve ser otimizado para a versão mobile, já que a pessoa irá acessar obrigatoriamente pelo celular.

8. Não encurtar os links

Os links costumam ser longos e ocupar muitos caracteres. Por isso, a ideia é encurtá-los o máximo possível para sobrar mais espaço para escrever o conteúdo da mensagem.

Além disso, muitos encurtadores de link permitem acompanhar e avaliar o desempenho da sua campanha pela análise de cliques, gerando insights para a performance do seu negócio.

9. Não oferecer opt-out

Você precisa oferecer uma maneira simples para que as pessoas desinteressadas deixem de receber suas mensagens. Por lei, essa desativação precisa ser de fácil acesso. 

A penalidade por não cumprir essa regra pode ser extremamente prejudicial para a empresa. Com a Lei Geral de Proteção de Dados, aprovada em julho de 2019 no Brasil, a multa para empresas que descumprirem as regras pode ser de até 2% do faturamento obtido no último ano. Por isso, é essencial atuar dentro da lei. 

10. Querer vender 100% do tempo

Se todo conteúdo que você enviar tiver o objetivo de vender, o seu público provavelmente vai enjoar das mensagens e cancelar a inscrição. Por isso, varie seu conteúdo e tente adicionar algum valor à mensagem enviada. É possível mesclar uma ação promocional com um conteúdo de valor disponível no blog da empresa que seja do interesse de determinado segmento do seu público, por exemplo.

11. Não usar uma plataforma inteligente de disparo

Contar com uma plataforma de disparo automático de SMS traz resultados positivos para o marketing da sua empresa. São os recursos da plataforma escolhida que vão determinar o impacto da integração de conteúdos significativos para o seu público. É importante contar com uma plataforma que ofereça relatórios com as métricas mais relevantes para a sua estratégia e, principalmente, um bom suporte.

A WAVY Messaging Platform garante que a mensagem será entregue corretamente e no tempo certo, independentemente da operadora de telefonia. Contamos com recursos que asseguram mais qualidade e eficiência na entrega. A plataforma ainda viabiliza:

  • Envio em massa para sua base de clientes;
  • Controle do histórico das mensagens;
  • Envio de alertas;
  • Dashboard completo.

12. Não mensurar os resultados

Uma estratégia de SMS Marketing só funciona completamente se você analisar os resultados que ela trouxer para a sua empresa. Uma plataforma que tenha uma dashboard completa mostra dados de quantos envios foram realizados, quantos SMS enviados foram lidos, os cliques em links, e outros dados relevantes para análise.

Deixar de checar esses dados é perder a oportunidade de conhecer melhor as preferências dos seus clientes e gerar insights para melhorias nas próximas campanhas.

Gostou das nossas dicas? Compartilhe o artigo com a sua equipe e evite os erros do SMS Marketing! Siga-nos no Facebook e Instagram e acompanhe nossos conteúdos!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-